Blog Lynaldo Cavalcanti

SBPC 2019 tem início com recorde de inscrições

22

jul

2019

Mais de 20 mil pessoas se cadastraram para participar da maior reunião cientifica da América Latina, que está sendo realizada na Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS)

 

ASCOM/MCTIC

Solenidade de abertura da 71ª Reunião Anual da SBPC

Em um auditório lotado com 700 lugares e mais de 400 pessoas acompanhando em um telão na área externa, foi aberta oficialmente a 71a Reunião Anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC). A cerimônia, realizada no Teatro Glauce Rocha, da UFMS, em Campo Grande (MS), contou com a participação do ministro interino do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC), Julio Semeghini. Durante o evento, o presidente da SBPC, Ildeu Moreira anunciou que até o momento da abertura, mais de 20 mil pessoas já haviam se inscrito para participar da Reunião, um recorde de público.

Com uma apresentação de música e danças típicas da região, a cerimônia começou festiva, com o entusiasmo do auditório cheio. Representantes da UFMS falaram ao público, destacando as dimensões do evento, assim como as preparações da cidade de Campo Grande, destacadas pelo governador do Estado, Reinaldo Azambuja,  o prefeito da cidade, Marquinhos Trad, presentes na mesa de abertura.

O ministro interino, Julio Semeghini, iniciou seu discurso saudando e parabenizando os mais de 500 voluntários que estão trabalhando na organização da feira. O ministro também saudou os membros da mesa de abertura e destacou a presença das instituições do MCTIC no evento.

“Fiquei muito feliz de ver o trabalho integrado de fazer com que todas as instituições vinculadas ao MCTIC estivessem aqui presentes,” declarou o ministro. “Não só na abertura, mas teremos os principais presidentes das empresas e diretores das instituições presentes nos estandes para mostrar ao público o trabalho que é desenvolvido.”

Os programas prioritários do MCTIC foram destaque na fala do ministro, que apresentou o programa Ciência na Escola, para melhor integrar a ciência no estudo fundamental, as iniciativas relacionadas ao uso e acesso à água tratada, com cadastro de mais de 200 projetos de empresas nacionais e mais de 60 internacionais. Houve ainda o anúncio de novas ações planejadas, como a criação do Instituto Nacional de Pesquisas Oceânicas e o decreto de Biodiversidade, que deve criar uma plataforma para o desenvolvimento da biotecnologia no Brasil.

A programação da abertura contou ainda com uma série de homenagens e a entrega do 39o Prêmio José Reis de Divulgação Científica, do CNPq, ao físico e reitor da Universidade de Campinas, Marcelo Knobel, além de um show surpresa do cantor sul-matogrossense Almir Sater encerrando a cerimônia.

Ascom MCTIC

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *