Blog Lynaldo Cavalcanti

Finep repassa R$ 80 milhões para investimento em inovação na região Nordeste

28

nov

2018

Finep repassa R$ 80 milhões para investimento em inovação na região Nordeste

Ministro assina repasse da Finep para o Banco do Nordeste para investimentos em inovação. Foto: Ascom/MCTIC

O ministro da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Gilberto Kassab, assinou nesta terça-feira (27) um repasse de R$ 80 milhões da Finep para o Banco do Nordeste (BNB) investir em inovação. Para o ministro, o acordo é oportuno para o crescimento da região. “A Finep acerta ao investir no Nordeste. Este é um primeiro passo e esperamos que seja uma referência. A região tem um peso grande no país e uma capacidade enorme para a inovação”, disse.

O repasse faz parte do programa Inovacred, que investe em novos produtos por meio dos bancos de desenvolvimento e agências estaduais de fomento. De acordo com o presidente da Finep, Ronaldo Camargo, a iniciativa faz parte do plano de descentralização da entidade. “A Finep procurou, nos últimos anos, descentralizar suas operações. Assim, fizemos uma política agressiva de nos conveniar com bancos de desenvolvimento de todo o país. A Finep sabe fazer inovação em pesquisa e desenvolvimento e vai repassar esse conhecimento para o BNB empreender nessa área”, explicou.

Segundo o presidente do Banco do Nordeste, Romildo Rolim, o repasse ajuda a diversificar a atuação da empresa, que atende 4 milhões de clientes em 9 estados. “Financiamos o setor produtivo, agronegócio, indústria, infraestrutura, e o Inovacred vem complementar esse portfólio que podemos oferecer. Já possuímos ações voltadas à inovação, e é importante atender as necessidades de quem quer investir em novos produtos e serviços na região”, afirmou.

Programa Rastro

O ministro Kassab também recebeu o presidente da União Nacional de Entidades do Comércio e Serviços (Unecs), Paulo Solmucci Jr., que assinou o memorando de entendimento para adesão ao programa Rastro. A entidade, que reúne dirigentes lojistas, shoppings, supermercados, bares e restaurantes, se junta a outras seis instituições que assinaram o documento nesta segunda-feira (26).

O programa Rastro foi criado para articular e integrar todas as políticas de rastreamento do país, criando um sistema de gestão integrada de identificação, planejamento e controle. As aplicações abrangem áreas como transporte, logística, saúde e segurança. É executado por comitê interministerial, integrado por 12 ministérios, criado a partir de uma portaria publicada em novembro de 2017.

MCTIC

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *